Enredo: Se Você Ouviu é Porque Não Acabou. O Bambas Canta a Igualdade Social
Compositores: Samir Trindade e Marcelo Demétrio
Intérprete: Tinga
 
EU SOU NEGRO, FILHO DA SENZALA
TENHO MINHA IDENTIDADE NA ÁFRICA
SOBREVIVENTE DAS CHIBATAS E PORÕES
ENRAIZADO NAS FAVELAS E PRISÕES
ESTOU A MARGEM DA SOCIEDADE
CLAMO PELA IGUALDADE EM POESIA
SOU A OVELHA QUE UM DIA SE PERDEU
O MEU PAI ME ESQUECEU
EU TAMBÉM SOU DA FAMÍLIA
 
AGÔ ÔÔÔÔÔÔÔÔ
TENHO ORGULHO DA MINHA COR
PRETO SIM, DE MUITAS VITÓRIAS
NÃO EXISTE FUTURO RASGANDO A HISTÓRIA
 
LEVANTA E VEM, AGORA
UM BASTA NAS INVERDADES
A CASA DO BAMBAS MEU LUGAR DE FALA
É CASA DE LIBERDADE
A GENTE ACREDITA E DÁ AS MÃOS
NÃO TEM PRECONCEITO, É CARNAVAL
ESTAMOS UNIDOS, SOMOS IRMÃOS
NO MESMO IDEAL
OH ÁGUIA... MEU ESPÍRITO DE LUZ
DESARMA A INTOLERÂNCIA
O AMOR É QUEM NOS CONDUZ
 
AINDA NÃO ACABOU
AINDA NÃO DESPERTOU
É HORA DE ACORDAR
QUE SOMOS TODOS IGUAIS
O NOSSO POVO QUER MAIS
SOU BAMBAS E VOU LUTAR